Prémio literário Casino da Póvoa anuncia Pepetela como vencedor na abertura do 21º Correntes d’Escritas

A edição nº 21 do Correntes d’Escritas arrancou esta manhã, no Casino da Póvoa, com o anúncio do Prémio Casino da Póvoa. O júri concedeu o prémio a Pepetela pela obra “Sua Excelência, de corpo presente”.

Na cerimónia oficial de abertura esteve presente o secretário de Estado do Cinema, Audiovisual e Media, Nuno Artur Silva, que marcou presença na mesa ao lado do presidente da Câmara da Póvoa, Aires Pereira, e Hélia Correia, a escritora alvo de homenagem na Revista do Correntes desta edição.

Os restantes premiados nos diversos concursos do Correntes d’Escritas também foram apresentados. Há um poveiro entre os distinguidos – Álvaro Maio, sob o pseudónimo “Zé Pescadinha”. O poveiro venceu o Prémio Literário Fundação Dr. Luís Rainha 2020 com a obra “Ala Ala Arriba”.

O Prémio Conto Infantil Ilustrado Porto Editora vai para “Tempestade no Rio”, do 4º C, da Escola Básica da Venda do Pinheiro.

Entretanto, o Prémio Literário Papelaria Locus foi atribuído a Ana Sofia Trigo (sob o pseudónimo Jieun) pelo trabalho “Relógios Parados”.

Os prémios serão entregues aos vencedores na sessão de encerramento que terá lugar no próximo sábado, às 18h00, no Teatro Garrett. Sabe-se à partida que o vencedor do Prémio Casino da Póvoa, Pepetela, não irá estar presente na cerimónia, por ter sido recentemente submetido a uma cirurgia.

Prémio literário Casino da Póvoa anuncia Pepetela como vencedor na abertura do 21º Correntes d’Escritas

| Correntes DESCRITAS pela Tv, Noticias |
About The Author
-